Arte na Praça Zumbi dos Palmares

Artesanato, teatro, música, dança, capoeira, literatura entre outras atividades abrilhantarão o encontro do dia 30

Sexta-Feira, 22/09/2017 | Superintendência de Comunicação

A Praça Zumbi dos Palmares vai virar o point cultural no último final de semana do mês de setembro. Isso porque a Secretaria Executiva de Cultura e Patrimônio em parceria com os artistas da cidade e o comércio local, tomarão a Praça com uma grande exposição artística ao ar livre.
Artesanato, teatro, música, dança, capoeira, literatura entre outras atividades abrilhantarão o encontro do dia 30, sábado, a partir das 8h30. Antecedendo esse dia, as noites de quinta e sexta (28 e 29) serão embaladas por muita música.
A data do dia 30, celebrará o encerramento do Cadastro Cultural, iniciado em julho pela secretaria com o intuito de fazer um banco de dados digital aproximando, de forma democrática, de artistas e profissionais de arte e cultura. Até o início de setembro mais de 130 artistas se cadastraram.
O projeto Arte na Praça tem o objetivo de dar ritmo e intensidade ao movimento das artes e cultura da cidade, com uma variada programação. O encontro acontecerá um final de semana por mês proporcionando lazer, descontração e entretenimento recheados de riqueza e valores culturais. A ideia é que aconteça uma exploração do espaço público para atuação artístico-cultural e divulgar os inúmeros trabalhos dos artistas do município.
Mais informações podem ser obtidas na Secretaria Executiva de Cultura e Patrimônio, no 3º piso da Casa Larangeiras, de segunda a sexta, das 8h30 às 17h, ou pelo telefone 33651510.

Confira a programação:
Dia 28, quinta-feira - A partir das 20h, Jairo Reis e Tathiana.
Dia 29, sexta-feira - A partir das 18h, acontece o “Rap” Hour com várias apresentações de rap com os artistas Oreo Freestyleiro, Talison Santos, Coastral, Peculiar e Palmares, Swami RagganMan e Vitor Pena; e a partir das 20h, a Banda Kulha entra em cena.
Dia 30, sábado - A partir das 8h30, ao som do músico Bruno Perez e abertura das exposições, seguido ao longo do dia com capoeira, oficina de construção de brinquedos com professor Cagério, às 10h, oficina de artesanato com a artista Cassinha, às 14h e oficina de iniciação de forró com Rafael Bodão, às 17h, além das performances teatrais, poesia, dança e intervenção urbana com grafite com o artista Júlio Garcia; o público vai curtir uma apresentação do grupo Forrózinho do Rasta, a partir das 20h.