ATENÇÃO - FEBRE AMARELA

Quem ainda não se vacinou, evite a Ilha Grande, matas e cachoeiras

Sábado, 03/02/2018 | Superintendência de Comunicação .

A Prefeitura de Angra dos Reis recomenda expressamente a todos que ainda não tomaram a vacina contra a febre amarela, que não vá para a Ilha Grande, matas e cachoeiras.
A recomendação se deve ao fato de, na madrugada de hoje, dia 3, ter sido confirmada a causa da morte de um paciente que deu entrada no Hospital Geral da Japuíba, sendo notificado como caso suspeito e evoluído para óbito. Também foi confirmado a causa da morte de um macaco, sendo ambos os casos na Ilha Grande.
Este é o primeiro caso confirmado de febre amarela em humanos em Angra dos Reis e lembramos que somente após 10 dias da vacinação a pessoa está seguramente imunizada. A seguir, a Nota Técnica sobre o assunto.
Angra dos Reis, 03/02/2018
A Secretaria de Saúde informa que vem monitorando constantemente o cenário epidemiológico da febre amarela no estado do Rio de Janeiro e no decorrer deste período manteve a Vigilância em Saúde alerta, encaminhando os macacos encontrados mortos, que se adequavam aos critérios, para análise.
De 2017 até janeiro de 2018, todos os macacos testados foram negativos para febre amarela, no entanto, na tarde de ontem, dia 02/02/2018, foi confirmado pelo LABORATÓRIO CENTRAL NOEL NUTELS (LACEN-RJ) a morte de um macaco por febre amarela na Ilha Grande, situação que comprova a circulação do vírus em nosso município.
Na madrugada de hoje, o mesmo Laboratório informou que o paciente morador da Ilha Grande que deu entrada no HGJ e evolui para óbito, sendo notificado como caso suspeito, foi confirmado como febre amarela, sendo este o primeiro caso confirmado em humanos no município.
A Secretaria sublinha que os macacos não são responsáveis pela transmissão da febre amarela, uma vez que a doença é transmitida através da picada de mosquitos. Os macacos avisam com a própria vida por onde o vírus circula.
Neste momento a Secretaria de Saúde orienta a todas as pessoas não imunizadas que evitem áreas de mata, cachoeiras e a Ilha Grande, salientando a extrema importância da vacinação.
Diante do novo cenário recomenda-se a vacinação de toda a população a partir dos 09 meses de idade, inclusive gestantes, idosos e nutrizes, ressalvadas as contraindicações absolutas.
Maiores informações podem ser encontradas no site www.febremarelarj.com.br e no site www.angra.rj.gov.br.