“Jardins alternativos, repensando o uso”

Exposição, organizada pela secretaria de Parques e Jardins, faz parte da programação da Semana do Meio Ambiente

Quarta-Feira, 06/06/2018 | Superintendência de Comunicação .

O Centro de Estudos Ambientais (CEA), na Praia da Chácara, está recebendo a exposição “Jardins alternativos, repensando o uso”, elaborada pela Prefeitura de Angra, por meio da secretaria executiva de Parques e Jardins. O objetivo da mostra, que faz parte da programação da Semana do Meio Ambiente 2018 e segue aberta à visitação, gratuitamente, até sexta-feira (8), de 9h às 17h, é fazer com que a população repense a forma como trata seus resíduos e provocar uma reflexão quanto às múltiplas possibilidades do reuso do material proveniente do consumo.
Segundo a secretária executiva de Parques e Jardins, praticamente todo o material utilizado para composição das peças, que arrancam suspiros por sua beleza, é reciclado.
- Uma das peças que utilizamos foi uma cadeira que estava descartada de forma irregular em um terreno próximo a uma via pública. Executamos um trabalho de artesanato e ela se transformou em um cachepô – mencionou a secretária, acrescentando que a bicicleta e a cadeira de ferro, também utilizadas em belas peças, são provenientes de um ferro velho e as garrafas e a caçamba, do Ariró.
A mostra conta com cachepôs confeccionados com latas (de leite, extrato de tomate) embalagem de iorgute e copo de água mineral pintadas. Já os vasos foram feitos a partir de potes para armazenar tinta e pneu. Outros materiais utilizados são madeiras e estrutura metálicas de reuso e resíduos de construção civil.
Há também na exposição “Jardins alternativos, repensando o uso” uma área dedicada às crianças.
- Nesse espaço de cachepôs, reaproveitamos brinquedos descartados, com o objetivo de provovar a curiosidade e a reflexão nas crianças de forma lúdica com o tema reuso – informou a secretária de Parques e Jardins.