Angra em alerta contra a obesidade infantil

Mais de 1.500 alunos de nove escolas do município foram avaliados através do Programa Crescer Saudável

Quarta-Feira, 11/07/2018 | Superintendência de Comunicação .

Quando se fala em saúde pública, uma das grandes preocupações mundiais é a obesidade infantil, cujos números crescem a passos largos na sociedade. Com o objetivo de incentivar a qualificação das estratégias de prevenção e tratamento da obesidade infantil, a cidade de Angra dos Reis foi contemplada e habilitada no Programa Crescer Saudável, desenvolvido pelo Ministério da Saúde.
Através do programa, mais de 1.500 alunos até 10 anos, de nove escolas municipais, pactuadas no Programa Saúde na Escola (PSE), passaram por avaliação antopométrica (peso/estatura) para conhecimento do diagnóstico nutricional e preencheram um questionário para identificação de seus hábitos alimentares.
Estas atividades começaram a ser realizadas no mês de abril nas seguintes escolas: Prefeito José Luiz Ribeiro Reseck (Frade); Regina Célia Monteiro Pereira (Morro do Carmo); Frei João Moreira (Encruzo da Enseada); Manoel Ramos (Nova Angra); Professor Sílvio de Castro Galindo (Camorim); Frei Fernando Geurtse (Marinas), Professor José Américo Lomeu Bastos (Carioca), Maria Hercília Cardoso de Castro (Bonfim) e Cemei Jair Landim de Almeida (Balneário). Depois da conclusão das avaliações dos alunos destas unidades, estudantes de outras escolas serão contemplados.
- Devido à complexidade da obesidade, somente a partir de um conjunto de ações e estratégias intersetoriais, poderemos alcançar sucesso no controle e organização das ações de enfrentamento da obesidade infantil – avaliou o diretor do Departamento de Saúde Coletiva.
O programa Crescer Saudável está sendo desenvolvido pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, via Programa Saúde na Escola (PSE) e Área Técnica de Alimentação e Nutrição (Atan), em parceria com a Secretária de Educação, Ciência e Tecnologia, com o apoio das equipes de Saúde da Família (ESF) e do Núcleo de Apoio à Estratégia Saúde da Família (Nasf).