Chuva forte em Angra aciona Defesa Civil

Em 24 horas choveu na cidade 153mm, mas não há registro de vítimas ou situações graves

Segunda-Feira, 11/03/2019 | Superintendência de Comunicação .

Voltou a chover forte em Angra dos Reis nas últimas 24 horas, ocasionando pequenos deslizamentos e acionando algumas sirenes de alerta e alarme. O bairro onde caiu o maior volume de chuva foi o Areal (153 mm), sendo que o tolerável neste período seria 100 mm.
Às 4h50 da manhã desta segunda-feira (11) a Secretaria Executiva de Proteção e Defesa Civil enviou os primeiros SMSs, destinados aos moradores do Monte Castelo. Em seguida a mensagem foi dirigida a outros 25 bairros solicitando a evacuação.
A Defesa Civil destaca que os SMSs são direcionados apenas para moradores de áreas de risco. Quem tiver dúvidas sobre o local onde reside pode ir até o site da Prefeitura de Angra ( www.angra.rj.gov.br) e clicar na Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade e depois em Proteção e Defesa Civil. Nesta parte há um item chamado Mapa de Risco onde todas as áreas preocupantes estão destacadas.
As sirenes chegaram a ser acionada nas seguintes localidades: Balneário; Morro da Glória; Sapinhatubas I e III; Marinas; Monsuaba; Cantagalo; Morro do Abel; Morro da Caixa D’Água e Morro do Carmo.
Já os SMSs com o alerta de evacuação foram para os bairros: Balneário; Monte Castelo; Morro da Cruz; Morro da Glória I e II; Morro do Perez; Morro do Tatu; Parque da Palmeiras; Sapinhatuba I, II e III; Areal; Banqueta; Água Santa; Biscaia; Monsuaba; Paraíso; Cantagalo; Bonfim; Centro; Morro da Caixa D´Água; Morro da Carioca; Morro do Carmo; Morro do Abel; Morro do Santo Antônio e São Bento.
A mensagem de evacuação permanece devido à previsão de chuva ainda existente, saturação do solo, inclinação do terreno e probabilidade de alagamentos e inundações. Pontos de apoios foram acionados, mas não teve procura.
Houve ainda quedas de árvores e deslizamentos em alguns pontos da cidade, mas nada grave e sem a ocorrência de feridos. Dois dos escorregamentos de terra aconteceram às margens da rodovia Rio-Santos, um na altura da Monsuaba e outro próximo ao bairro da Mombaça. Equipes da Secretaria Executiva de Serviço Público e da Defesa Civil já estão nos locais. Por se tratar de uma estrada federal, o DNIT e a Polícia Rodoviária Federal também foram avisados.
Moradores que residem em áreas de encosta ou alagamento devem ficar atentos aos SMSs de alerta disparados pela Defesa Civil. Ao receber a mensagem deve-se procurar um ponto de apoio. Para receber os alertas, mande um SMS para o número 40199 e informe na mensagem de texto o CEP de sua residência. A equipe da Defesa Civil pode ser acionada através dos telefones 199 ou 24 33654588.