Cartões alimentação estão sendo adquiridos

Benefício, que ainda não está liberado, será destinado às famílias carentes

Terça-Feira, 31/03/2020 | Superintendência de Comunicação .

A Prefeitura de Angra vem trabalhando com afinco no combate ao coronavírus, e isso também inclui a parte social. Para prestar apoio à população neste momento difícil, a Secretaria de Desenvolvimento Social e Promoção da Cidadania está mantendo o atendimento, via telefone, de todos os oito Centros de Referência de Assistência Social (Cras) da cidade.
São nos Cras que as pessoas vão em busca de cestas básicas, que há alguns anos foram substituídas por um cartão alimentação no valor de R$ 100,00, que pode ser utilizado em aproximadamente 90 estabelecimentos registrados na cidade.
Enquanto o Governo Federal decide como será o benefício emergencial no valor de R$ 600,00 para desempregados e trabalhadores informais, por exemplo, a Secretaria de Desenvolvimento Social está fazendo a sua parte e adquirindo cartões alimentação a serem distribuídos entre os mais necessitados. Do dia 2 ao dia 30 de março, já foram distribuídos 700 cartões. Em condições normais, a prefeitura distribui sete mil cartões por ano.
- Em um primeiro momento, vamos adquirir 12 mil, pensando em atingir até 24 mil cartões alimentação, de acordo com a necessidade, pensando no enfrentamento do período da calamidade. Vamos priorizar as pessoas que já são de baixíssima renda, especialmente aquelas do Bolsa Família. Vamos atender também aos informais que forem solicitando. Tudo vai passar pelo atendimento da assistente social que vai ouvir as necessidades das pessoas, tudo certinho, dentro dos critérios - informou a secretária de Desenvolvimento Social e Promoção da Cidadania, acrescentando que também estão sendo comprados produtos de limpeza e higiene a serem doados à população carente.
Além dos 24 mil cartões alimentação que estão sendo comprados, foi aprovado o uso de recursos do Fundo Municipal da Criança e do Adolescente para a aquisição de outros 12 mil cartões alimentação, que apenas serão utilizados em caso de necessidade. Desta vez, eles serão destinados a alunos da rede pública municipal de ensino, que tenham entre 1 a 6 anos, visando fortalecer a segurança alimentar e nutricional da primeira infância.
Outra informação importante é que todos os processos envolvendo Bolsa Família e Benefício de Prestação Continuada (BPC), que estavam suspensos ou bloqueados, foram automaticamente desbloqueados. Atualmente, o município possui 11.073 famílias no Bolsa Família.
- Não haverá bloqueio de nenhum benefício nos próximos 120 dias. O mesmo ocorrerá com o BPC Idoso e Deficiente, que será desbloqueado automaticamente pelo INSS. Também não haverá bloqueio deste benefício por 120 dias. Os beneficiários podem ficar tranquilos. Por isso, pedimos que os beneficiários do Bolsa Família e BPC não se dirijam aos equipamentos por este motivo. Em caso de dúvida, podem nos ligar – ressaltou a coordenadora do Bolsa Família.

TELEFONES

Bolsa Família – 3365-1460
Cras Centro – 3365-4310
Cras Belém – 3368-4635
Cras Bracuí – 3363-1890 / 98148-6193
Cras Campo Belo – 3377-7735
Cras Frade – 3369-6550
Cras Monsuaba – 3366-1094
Cras Nova Angra – 3377-1885
Cras Parque Mambucaba – 3362-4432