Prefeitura de Angra ajusta medidas contra a Covid-19

O novo decreto foi publicado nesta segunda-feira (17) no Boletim Oficial

Segunda-Feira, 17/08/2020 | Superintendência de Comunicação .

A Prefeitura de Angra publicou no Boletim Oficial desta segunda-feira (17) o decreto nº 11.720, alterando algumas regras adotadas contra o novo coronavírus. O documento está disponível no site www.angra.rj.gov.br.

A primeira alteração é que as medidas de Distanciamento Social Seletivo (DSS) serão reavaliadas na hipótese de ocupação superior a 70% (setenta por cento) de todos os leitos hospitalares destinados ao tratamento da Covid-19, não mais a 50% como constava em decretos anteriores.

Tal medida se faz necessária porque, devido à baixa taxa de ocupação e ao princípio da economicidade na gestão pública, o número de leitos do Centro de Referência Covid-19 foi redimensionado em 50%. Hoje, o município conta com 75 leitos públicos destinados ao tratamento do novo coronavírus: 60 na Santa Casa e 15 no Hospital de Praia Brava. Antes eram 135.

– Se houver necessidade, os leitos serão reabertos, como fizemos há um tempo, quando abrimos 20 novos leitos na Santa Casa e 15 em Praia Brava para readequar à demanda. Ninguém ficará desassistido. Nossa ação, neste momento, leva em consideração a baixa taxa de ocupação, buscando o princípio da economicidade na administração pública – reforça o secretário de Saúde.

Também levando em consideração a gradual diminuição nos números de casos de contaminação e os resultados positivos das medidas sanitárias adotadas tanto em relação ao protocolo geral quanto aos protocolos setoriais específicos, a prefeitura decretou que os ônibus municipais poderão circular com todos os passageiros sentados e com, no máximo, 80% (oitenta por cento) da capacidade de passageiros em pé.