Enfermeira é a primeira vacinada contra a Covid em Angra

Profissionais da saúde, indígenas e idosos em instituições de longa permanência serão imunizados neste primeiro momento

Terça-Feira, 19/01/2021 | Superintendência de Comunicação .

Angra dos Reis recebeu, no início da tarde de hoje (19), as primeiras 2.440 doses de vacina contra o coronavírus, vindas do Instituto Butantan, de São Paulo, via Sistema Único de Saúde (SUS). Elas chegaram a Angra trazidas por uma van que também abasteceu Mangaratiba e Paraty. O Governo do Estado estima que, nos próximos 15 dias, as demais doses, do total de 4.880 destinadas à cidade, estarão disponíveis.

A primeira pessoa vacinada no município foi a enfermeira Jussara Gomes Ferreira, de 53 anos, que atua como fiscal das unidades de pré-atendimento da Covid-19 e como coordenadora do SPA do Parque Mambucaba. Em seguida foram imunizados mais quatro profissionais da saúde.

- Representar meus colegas de serviço da saúde é muito importante, porque estar de frente desta pandemia, com tantas pessoas falecendo, pedindo socorro nas unidades, não é nada fácil – frisou Jussara.

As vacinações aconteceram nesta tarde, no Centro de Estudos Ambientais (CEA), na Praia da Chácara. Neste local foi montada uma unidade de imunização centralizada para vacinar todos os profissionais da Saúde que estão atuando na linha de frente do combate ao coronavírus. A expectativa é de que 500 profissionais sejam vacinados por dia.

Dentre os profissionais de saúde a serem imunizados, neste primeiro momento, estão as equipes médicas e de enfermagem das urgências e emergências, os profissionais vinculados às unidades de terapia intensiva e enfermarias de Covid, bem como os que atuam nos centros de triagem e os vacinadores.

Seguindo as determinações do Plano Nacional de Imunização, em Angra dos Reis, serão vacinados, nesta etapa, além dos profissionais de saúde, os indígenas com mais de 18 anos, os idosos com mais de 60 anos que estejam em instituições de longa permanência e pessoas com deficiência que estejam em instituições de longa permanência. As vacinações nos idosos e na aldeia Sapukai, no Bracuí, serão volantes e começarão nesta quarta-feira pela manhã (20).

- Esse é um momento muito esperado por nós, podermos começar a imunização do povo de Angra dos Reis. Iniciamos essa primeira fase e sabemos que é o primeiro passo muito esperado. Tudo aquilo que a gente trabalhou até agora no combate à Covid chegando esse antídoto com certeza é o ápice – destacou o secretário de Saúde de Angra.

São necessárias duas doses, com intervalos de 14 a 28 dias, para que o indivíduo se considere imunizado, por isso, os vacinados já sairão agendados para o retorno.

- Estamos felizes por receber essas vacinas e estamos aplicando de acordo com o protocolo estabelecido pelo Ministério da Saúde. Vacinação não quer dizer que não devemos mais tomar cuidado. As pessoas têm que continuar usando máscaras, usando o álcool em gel, tendo todo o cuidado até a vacina se disseminar em grande escala para que toda a população seja protegida – alertou o prefeito de Angra que acompanhou as primeiras imunizações ao lado do secretário municipal de Saúde.