Utilização do Colab auxilia a gestão municipal

Aplicativo é usado para fazer reclamações e solicitações junto à prefeitura. Número de usuários em Angra tem crescido

Quinta-Feira, 16/05/2019 | Superintendência de Comunicação .

Moradores de Angra dos Reis têm em mãos uma ferramenta capaz de aumentar a participação do cidadão nas questões públicas. É o Colab, uma rede social de gestão urbana à qual a Prefeitura de Angra aderiu no final de fevereiro deste ano. A estrutura do Colab é formada por um ambiente de interação entre os usuários, via web e aplicativos para smartphones. A plataforma possui um ambiente administrativo, no qual a prefeitura pode poder gerenciar as demandas e as iniciativas de participação dos cidadãos, com o objetivo de aprimorar a administração pública.

Desde que começou a ser utilizado pela Prefeitura de Angra, o número de usuários cresceu a cada mês, e atualmente está em 352, mas, em uma cidade com cerca de 200 mil habitantes, esse número tem potencial para crescer muito mais. O aplicativo Colab pode ser usado em celulares de sistema IOS ou Android, baixado no Googleplay. O download é gratuito. Também pode ser navegado pelo desktop, em um computador de mesa ou notebook, por exemplo (colab.re).

A maior quantidade de solicitações até o momento tem sido referente a serviços públicos: descarte irregular de lixo e entulho etc. Outra categoria bastante solicitada é a que diz respeito a transportes, trânsito e mobilidade urbana, como reclamações sobre ônibus superlotados ou fora do horário.

– Com ferramentas desse tipo, nós, da gestão pública, ganhamos em celeridade no atendimento das solicitações e vemos coisas que nem sempre conseguíamos ver – explica o secretário-executivo de Planejamento e Gestão Estratégica, destacando a parceria entre munícipes e a administração pública possibilitada pelo Colab.

As solicitações/reclamações não ficam sem resposta. A partir do momento que o usuário faz uma postagem sobre algo relacionado à cidade, o post ganha um “status”, que varia entre “pendente”, “encaminhado”, “em atendimento”, “resolvido” e “recusado” (em caso de conteúdo ofensivo ou algo que não é relacionado à prefeitura).

A Secretária Executiva de Planejamento e Gestão Estratégica e a Secretaria de Governo da prefeitura respondem pelo gerenciamento do aplicativo junto ao governo municipal. Servidores de diversas pastas da administração municipal passaram por treinamento para lidar com as demandas que chegam pelo Colab. O tempo de atendimento varia muito, conforme a natureza da solicitação. Uma retirada de entulho é um problema bem mais rápido de ser resolvido do que, por exemplo, a construção de um muro de contenção.

Quando a solicitação é atendida, tanto o autor da postagem quanto todos aqueles que a apóiam são notificados de que a demanda foi resolvida, funcionando de forma semelhante às notificações de outras redes sociais mais popularizadas, como o Facebook, por exemplo.

O fato de as pessoas estarem sempre com o celular na mão e poderem rapidamente preencher um questionário sem sair de casa facilita o engajamento. Com isso, a prefeitura pode usar o aplicativo para fazer consultas públicas, enquetes sobre suas decisões de governo. O Colab também é utilizado para que a prefeitura divulgue suas ações, tornando-se mais um canal de comunicação entre o poder público e os cidadãos.

O Colab foi lançado em 2013. Curitiba (PR) e Teresina (PI) foram as primeiras cidades a aderirem. Atualmente o aplicativo possui cerca de 200 mil usuários e, no estado do Rio de Janeiro, além de Angra, conta com a adesão de cidades como Niterói e Mesquita.