Por um turismo ordenado e responsável

Nota de esclarecimento

Segunda-Feira, 13/09/2021 | Superintendência de Comunicação .

Já é do conhecimento de todos que o turismo só existe nos lugares onde suas belezas são conservadas. Também sabemos que Angra dos Reis é um dos locais mais belos do planeta, detentora do título de Patrimônio Mundial da Unesco. Cabe à administração pública, com o apoio da população, dos turistas e dos empresários de turismo, mantê-la desta forma.
Diferentemente do que estão dizendo e propagando, o turismo na modalidade de day use (um dia apenas) vem crescendo ano a ano e as estatísticas demonstram isso: 100% de aumento na movimentação através da solicitação de fluxo de veículos turísticos. De outubro a dezembro de 2019 registramos a vinda de 215 ônibus e, em 2020, também de outubro à dezembro, em plena pandemia, este número saltou para 428 no mesmo período. A expectativa é deste crescimento continuar mesmo se tivermos uma temporada chuvosa. Há agências já com 100% de reservas para o final do ano. ONTEM – DOMINGO, 12 DE SETEMBRO, mesmo com o tempo fechado, recebemos 62 ônibus, uma movimentação típica da alta temporada e ainda estamos no início de setembro.
Vale lembrar que vivemos uma nova realidade, onde o turismo nacional é mais praticado e o crescimento acelerado do day use significa mais lixo, mais manutenção dos cais, equipes maiores para o ordenamento, maior consumo de água, entre outros fatores que geram despesa para o município.
A tarifa de acesso ao município é uma das formas de preservar nossa cidade. Angra dos Reis não tem capacidade de carga para tantos turistas vindos desordenadamente, e se continuar da maneira que está, perderemos nosso maior atrativo: a natureza, como ocorreu com a Ilha de Cataguás. A Prefeitura de Angra está elaborando um plano de ação para a recuperação ambiental deste paraíso. Não podemos deixar que isto continue a ocorrer.
Sem reajuste há anos, a mensagem propondo a sua correção não nasceu do nada e também não diz respeito somente à Angra dos Reis, mas à toda região Costa Verde. Tivemos diversas reuniões com o trade turístico de Angra e também com os municípios de Paraty e Mangaratiba. Um acordo foi firmado para a adoção de uma tarifa única na Costa Verde (Paraty já está cumprindo).
Estamos e continuaremos trabalhando pela preservação do meio ambiente - fundamental para o turismo sustentável- e por uma qualidade de vida melhor para todos!