Final de semana com Arraiá da Dito Peres e Escorrega Show

Torneios de ensaio serão realizados no Morro do Peres e na Banqueta

Quinta-Feira, 30/06/2022 | Secretaria Executiva de Comunicação .

O movimento cultural de quadrilhas juninas continua a promover os seus espetáculos pelas comunidades de Angra dos Reis. Na sexta-feira, dia 1º, às 19h, no Condomínio Vale da Banqueta, será realizado o torneio ensaio do Arraiá Escorrega Show. A abertura do evento será feita pelo grupo de pagode Amigos do Samba. As apresentações de danças ficarão por conta da quadrilha Aconchego da Ciça e da Zé Buscapé. Ao fim, haverá o concurso de rainhas.

No sábado, dia 2, também às 19h, as atividades culturais serão iniciadas com apresentações de grupos de capoeira, além de uma atração surpresa. Dando continuidade às festividades juninas, acontecerão as apresentações da quadrilha anfitriã Escorrega Show e da Dona Junina. A noite será encerrada com DJ e concurso de rainhas.

Já no domingo, dia 3, último dia do Arraiá Escorrega Show, acontecerão as apresentações das quadrilhas Compadre Nequinho, Emoções Juninas e Zé Piri. Assim como no sábado, o evento se inicia às 19h e ao fim da noite haverá som mecânico com DJ e concurso de rainhas.

- A cultura junina é uma tradição muito forte em nossa cidade. Temos quadrilhas com mais de trinta anos de atuação. Estamos apoiando os conjuntos de uma forma nunca vista antes na história da cidade. Esse movimento de cultura popular tem todo o apoio e incentivo do prefeito e, com disso, estamos conseguindo viabilizar as ações que fomentam a cultura e que celebram os santos de junho - enfatizou Andrei Lara, secretário de Cultura e Patrimônio.

FESTIVIDADES NO MORRO DO PERES

No sábado, dia 2, na quadra de esportes do Morro do Peres, a partir das 19h, acontecerá o concurso de quadrilhas do Arraiá Dito Peres, seguido do show de Xandy Sonorus. No domingo, dia 3, a festa começará ao meio-dia com uma tradicional feijoada e a apresentação de grupo de pagode. Logo após, ocorrerá o concurso de quadrilhas.

Os arraiás contam com o apoio da Prefeitura de Angra, por meio da Secretaria de Cultura e Patrimônio, e a Associação de Quadrilhas Juninas de Angra dos Reis.

- A nossa ideia é fazer apresentações nos bairros para termos a certeza de sucesso no evento principal. Eles são nossos laboratórios, para que todos cheguem fortes no arraiá municipal - destacou Ênio Valverde, presidente da Associação de Quadrilhas Juninas de Angra dos Reis.